27/05/2023

Fossas ecológicas melhoram a saúde no campo

Noticía Agricultura
compartilhar

Produzir alimentos com saúde e segurança para produtores e consumidores. Essa é uma preocupação constante entre agricultores, pautada na AgroBrasília 2023. Referência em oportunidades para bons negócios, a Feira conta com expositores que apresentam tecnologias em fossas sépticas, ideais para tratar até 80% do esgoto gerado. Pioneira no ramo, a Ecofossa já comercializa para todo o país.

O diretor da empresa, Christiano Chedid, explica que uma das vantagens é a sustentabilidade. "O esgoto exposto e descartado de maneira errada vai poluir o lençol freático, de onde sai a mesma água que a pessoa consome. Com esse sistema, não há contato entre esgoto e solo", detalha. A Ecofossas desenvolve cápsulas de fibra de vidro, que ficam enterradas e não deformam com o calor. A capacidade de armazenagem varia de mil litros para 5 pessoas, 1.500 litros para 8 e 2 mil litros para até 11 usuários.

Enquanto as fossas negras dispostas a céu aberto liberam mal cheiro e atraem animais, a fossa ecológica é isolada. As bactérias inseridas digerem o material orgânico em até 8 horas, processo que na fossa comum demoraria até 24 horas para ocorrer. A tendência para esse mercado é de expansão. As fossas contribuem para a adequação das propriedades às exigências da legislação ambiental, sendo uma condição para a obtenção de licenciamento ambiental.

Além dos atendimentos particulares, a marca já disponibilizou, em dois anos, cápsulas de tratamento para famílias produtoras de baixa renda. O projeto começou em 2020, tocado pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF). 

Segundo a executora do Programa de Saneamento Rural da Emater-DF, Ana Paula Rosado, são agricultores já cadastrados em programas de boas práticas. Ana conta que foram atendidas 327 famílias produtoras. "Elas recebem orientações sobre uso e manutenção das fossas e os benefícios do uso", revela.

Atualmente, o equipamento usado pelo programa é um biodigestor distribuído pela empresa Sanear Brasil. A composição é de tanque séptico e filtro, disposto com bactérias que se alimentam do material orgânico. A gerente comercial da Sanear, Laisa Lamara, destaca que, após a instalação, é oferecida garantia de até seis anos. A manutenção é feita a cada seis meses. "Enquanto trata, é separado o lodo, que pode ser usado como adubo. E a água tratada pode ser usada para irrigar o solo", detalha Laisa.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Curso de classificação e degustação de cafés integra programação técnica da AgroBrasília 2023

Plantas forrageiras desenvolvidas nos últimos anos trazem mais ganhos para a pecuária de corte

AGROBRASÍLIA
Feira Internacional dos Cerrados
agrobrasilia@agrobrasilia.com.br
+55 61 3339-6541
+55 61 3339-6542
+55 61 99649-9915
+55 61 99945-0292

Seja expositor


© Copyright 2019 AgroBrasília Todos os direitos reservados         Design Lucivam Queiroz // Frontend webtoyou // Desenvolvimento Agro3w