09/03/2020

Em dia de campo, quase 400 pessoas conheceram detalhes da Competição de Cultivares de Soja da Feira

Noticía Agricultura
compartilhar

A AgroBrasília, em parceria com a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Distrito Federal (Emater-DF), realizou na manhã da última sexta sexta-feira (6) o Dia de Campo da Competição de Cultivares de Soja. A 12º edição do evento reuniu cerca de 400 pessoas, que puderam conhecer detalhes do torneio, como as empresas participantes e cultivares inscritas. O dia de campo ocorreu na Fazenda Pedro Carmo, no PAD-DF.

 

A competição é uma oportunidade para que agricultores avaliem o potencial produtivo das cultivares, além de observar a qualidade de desenvolvimento da raiz e a variedade genética das sementes. Na edição de 2020, são 17 empresas participantes, com 63 cultivares – 6 do tipo RR e 57 Intacta RR2. A soja RR é tolerante ao herbicida Glifosato. A soja Intacta RR2 é tolerante ao glifosato e apresenta capacidade de controle de algumas lagartas que atacam a cultura.

 

Presidente da Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF), que realiza a AgroBrasília, José Guilherme Brenner destaca que o envolvimento da entidade na organização do torneio aumenta a credibilidade dos resultados. “Somos uma cooperativa de produtores. Então, a competição é uma iniciativa de produtores para produtores, com resultados reais, com características que ajudam o agricultor a se manter atualizado e a tomar decisão no momento do plantio.”

 

Brenner avalia ainda que um dos principais fatores que explicam os altos índices de produtividade de soja no Distrito Federal é a evolução na variedade e na qualidade das cultivares. “Acompanhar essa evolução é fundamental para que o produtor alcance sucesso e, nesse sentido, a competição de cultivares tem cumprido um papel importante. Os produtores da região reconhecem isso e muitos esperam os resultados do concurso. As empresas também têm aumentado a participação no torneio, o que mostra que nosso trabalho é confiável”, afirma.

 

Na safra de 2019/2020, a produtividade da leguminosa no Distrito Federal alcançou os 3.500 kg por hectare, uma das melhores do País e acima da média nacional, que é de 3.300 kg/ha. Em relação à safra passada, o indicador teve um crescimento de 6,1%. A unidade da Federação também vem se destacando na produção de sementes de alta qualidade, e a cadeia local estabelece parâmetros que impactam todo o agronegócio nacional.

 

Hoje, o DF abriga 74,5 mil hectares de soja, que geram cerca de 260 mil toneladas do produto. Nos anos de 2017 e 2018, desses 74,5 mil ha, mais de 30%, ou cerca de 27 mil hectares, estavam voltados à produção de sementes. Por ano, o Distrito Federal exporta cerca de 39 mil toneladas de sementes de soja para outros estados como insumo na produção de grãos, e o mercado local movimenta cerca de R$ 20 milhões.

 

Para João Nestor, produtor rural de Cristalina (GO), que participa desde a primeira edição, o evento auxilia no planejamento do próximo plantio. “Aqui nós conseguimos enxergar o lançamento de variedades das empresas. Como é uma competição de cultivares, elas trazem as melhores. Às vezes, na fazenda, não temos acesso a esse conhecimento Por isso, dias como esse e a competição são essenciais para tomarmos decisão e conhecermos os lançamentos.”

 

Condições semelhantes

 

Os materiais do torneio foram plantados sob condições semelhantes, de 18 a 22 de novembro de 2019. O resultado será divulgado na AgroBrasília, que acontece nos dias 12 a 16 de maio.

 

No início do Dia de Campo, o gerente do escritório da Emater no PAD-DF, Marconi Borges, explicou aos participantes os parâmetros adotados no plantio para garantir o máximo de lisura na competição. “Nesse ambiente controlado, os produtores conseguem ter informações precisas sobre as variedades”, afirmou.

 

Coordenador das etapas do ensaio, o engenheiro agrônomo da Coopa-DF Lafayette Machado, detalhou pontos técnicos do cultivo, como índices de chuva no período, produtos usados no tratamento dos materiais, técnicas adotadas. Além disso, reiterou o esforço da organização do torneio para garantir tratamento isonômico das cultivares.

 

Patrocínio

 

O Dia de Campo contou com o patrocínio das empresas Alltech Crop Science, Bayer, Dimiagro, KLF, Koppert, Mosaic, Nutrimax e Vegetal.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Em meio à pandemia, uma janela

Dia de campo da Competição de Cultivares de Soja ocorre nesta sexta-feira, 6 de março

AGROBRASÍLIA
Feira Internacional dos Cerrados
agrobrasilia@agrobrasilia.com.br
+55 61 3339-6541
+55 61 3339-6542
+55 61 98478-6676
+55 61 99945-0292

Seja expositor


© Copyright 2019 AgroBrasília Todos os direitos reservados         Design Lucivam Queiroz // Frontend webtoyou // Desenvolvimento Agro3w