23/09/2020

Programa de aceleração de startups TechStart Agro Digital tem apoio da Airbus

Noticía Agricultura
compartilhar

Com inscrições abertas até o dia 27 de setembro, o programa de aceleração de startups TechStart Agro Digital, promovido pela Embrapa Informática Agropecuária (Campinas, SP) e a Venture Hub, vai contar nesta edição com o apoio institucional da Airbus Defence and Space, divisão da multinacional europeia responsável por serviços geoespaciais e produtos de observação da Terra. A parceria foi confirmada no final de agosto.

Lançado em 2019, o programa tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento e a escalada de novas soluções digitais para o agronegócio, oferecendo suporte tecnológico e de negócios às startups selecionadas e ainda oportunidades de conexão com instituições de pesquisa, corporações e investidores.

Além de participar em atividades de mentoria, a Airbus Defence and Space vai fornecer aos participantes do TechStart Agro Digital o acesso a ferramentas do seu ambiente de colaboração e negócios, como o módulo de teste do OneAtlas API, com mapas, dados e análises gerados a partir de imagens de satélite, úteis no desenvolvimento de softwares, sistemas e aplicativos. A empresa também vai disponibilizar um conjunto de imagens de áreas agrícolas do Brasil para download e acesso à API, como imagens selecionadas do satélite Spot, com 1,5 metro de resolução espacial, além de dados do programa Copernicus.

Robin Expert, gerente na área de ecossistemas de startups e inovação aberta da Airbus, conta que a empresa tem experiência na participação em mais de 20 hackathons ou desafios baseados na observação da Terra, com especialistas escalados para treinar equipes durante esses eventos. “Eles avaliam regularmente a pertinência e a viabilidade de novos conceitos e estão abertos para compartilhar experiências técnicas ou de negócios para apoiar o sucesso de novos empreendimentos durante e após os eventos”, explica. Segundo ele, o objetivo final é criar novas parcerias com o ecossistema de startups e empreendedores.

A participação da Airbus no TechStart Agro Digital foi articulada a partir do Labex Europa, laboratório virtual da Embrapa para cooperação científica e tecnológica, localizado em Montpellier, na França. “Com certeza esse apoio vem para agregar mais valor ao programa, que vai além da participação em mentorias e validação de tecnologias, mas passa especialmente pelo compartilhamento de experiências da Airbus em programas de hackatons e de aceleração internacionais”, ressalta Silvia Massruhá, chefe-geral da Embrapa Informática Agropecuária. “Acredito que será um grande aprendizado para as startups e todos os parceiros envolvidos no programa”.

O programa de aceleração TechStart Agro Digital conta ainda com o apoio institucional da divisão agrícola da Bayer e da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec).

Como participar

As startups interessadas em participar da segunda edição do programa têm até o próximo dia 27 para inscrever propostas de soluções dentro de oito temas: Agricultura de Precisão e Digital; Aquicultura - Manejo e Produção Aquícola; Automação e Robotização no Campo; Biotech e Bioinformática; Cadeia de Hortifruti; Gestão de Risco Agrícola; Identificação e Detecção de Pragas e Doenças; e Pecuária de Precisão. Para participar, basta preencher o formulário de inscrição disponível no site do programa.

Até 30 startups serão pré-selecionadas para uma primeira etapa on-line (Warm Up), que terá início em outubro com dez encontros virtuais abrangendo conteúdos de negócios e tecnológicos. Nessa fase serão realizadas atividades e avaliados os estágios de cada projeto.

Érico Pastana, CEO da Venture Hub, tem grandes expectativas para 2020. "Nós criamos a fase de Warm-Up para rodar 100% online e acontecer antes do programa completo de aceleração. Essa nova estrutura permitirá que mais startups participem do processo, aprimorando seus modelos de negócio e entendendo oportunidades de evolução tecnológica, de mercado, e de conexão com os realizadores do programa e seus parceiros. Acredito que o Warm-Up tem um ótimo potencial para aumentar ainda mais o impacto do programa TechStart Agro Digital", conta.

Os projetos selecionados nesta fase avançarão para a etapa seguinte de aceleração, que acontecerá a partir de fevereiro do ano que vem, quando participarão de treinamentos e mentorias especializadas para desenvolvimento e validação de produtos, vendas e acesso ao mercado, além de receberem orientações nas áreas jurídica, de patentes e propriedade intelectual.

Ao longo do programa, os participantes também contarão com benefícios exclusivos, como o uso da infraestrutura de coworking do Innovation Hub Campinas e o acesso gratuito às informações e modelos agropecuários gerados pela Embrapa disponíveis na Plataforma AgroAPI. A ferramenta contempla desde dados sobre cultivares e produtividade até zoneamentos agrícolas, acessados por meio de APIs (interface de programação de aplicativos, na tradução do inglês), e podem ser utilizados, por exemplo, no desenvolvimento de soluções para planejamento, monitoramento e gestão da produção.

Primeira edição

A primeira edição do TechStart Agro Digital, iniciada em 2019, atraiu o interesse de pelo menos 95 startups de 20 estados brasileiros. O primeiro ciclo de aceleração do programa foi concluído em fevereiro deste ano com a graduação de 11 empresas, que apresentaram soluções nas áreas de bioinformática, aplicação de defensivos, operações de crédito, agricultura de precisão, manejo de pastagens, irrigação inteligente, gestão da propriedade, uso de drones e cana-de-açúcar.

Mais de 80 mentores passaram pelo programa, além de representantes de grandes empresas, sendo que ao menos cinco startups receberam propostas de investimento durante o processo de aceleração. Três das startups graduadas também foram selecionadas para a terceira edição da chamada de investimentos Pontes para Inovação, uma iniciativa da Embrapa, Cedro Capital e parceiros para conectar agtechs com investidores.

 

FONTE: EMBRAPA

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Competição de Cultivares de 2020 teve início com plantio

Produtores se reinventam para recuperar prejuízos da pandemia nos setores de flores e de hortifruti

AGROBRASÍLIA
Feira Internacional dos Cerrados
agrobrasilia@agrobrasilia.com.br
+55 61 3339-6541
+55 61 3339-6542
+55 61 98478-6676
+55 61 99945-0292

Seja expositor


© Copyright 2019 AgroBrasília Todos os direitos reservados         Design Lucivam Queiroz // Frontend webtoyou // Desenvolvimento Agro3w